Espigões de comércio de bitcoin no Brasil e na Argentina

Veröffentlicht von

Um recente relatório de mercado da Arcane Research, uma empresa de análise, informou um aumento no comércio de Bitcoin Profit no Brasil e na Argentina.

O desenvolvimento foi comparado ao status econômico dos dois países, que parece severo. Assim, os investidores locais estão aproveitando a oportunidade, voltando-se para a moeda criptográfica para se protegerem contra o aumento da inflação.

O Brasil vê um aumento de 168% no volume semanal de comércio de Bitcoin

Independentemente da atual pandemia de Coronavirus, a Turquia, o Brasil e a Argentina registraram novos recordes em volume de comércio semanal de Bitcoin nos últimos dois meses.

De acordo com o relatório de mercado da Arcane Research, o Brasil testemunhou um aumento de 169%, 20% na Argentina e 5% na Turquia, em termos de moeda fiduciária.

O aumento no volume de comércio de Bitcoin nesses países é evidente que a moeda criptográfica é de certa forma considerada como um instrumento pelos comerciantes contra a diminuição do valor de sua moeda „fiat“. Mais ainda, na Argentina, a regulamentação da moeda local torna difícil para os comerciantes procurarem refúgio em moeda estrangeira como o dólar ou o euro.

Consequentemente, este regulamento provavelmente se voltou a favor do Bitcoin, à medida que os comerciantes se voltam cada vez mais para a moeda criptográfica como um instrumento para proteger a moeda desvalorizada da nação.

Na semana passada, a Argentina quebrou acima de US$ 1 milhão em volume de comércio semanal de Bitcoin, de acordo com a Tulipas Úteis. Esta foi a primeira vez que os comerciantes de Bitcoin no país puderam chegar a esse ponto.

Desvalorizando a moeda fiduciária

A Argentina esteve em crise econômica antes da atual pandemia de Coronavirus, incluindo o Brasil. A pandemia agravou toda a situação em ambos os países, já que sua moeda nacional continua a ter um valor muito baixo. Segundo consta, a moeda fiat do Brasil caiu mais de 30% em relação ao dólar americano.

Além disso, a taxa de juros caiu para 2% ao ano, excluindo assim os instrumentos de renda fixa como opção ideal de investimento no momento, em favor das ações, fundos e moeda criptográfica per se.